Débora Buarque ❀❤❀ Ponto Cruz

18 de janeiro de 2012

Estou com CISTITE...


  • Ai, ai, ai...ta vendo !? Não bebe água, emagreceu, ficou com a defesa baixa dá nisso...
  • Pois, é não me cuidei, e o verão aqui tá de lascar...um calor, uma secura e eu nada de ter cede, nem beber líquidos( coca-cola não vale tá!). ME LASQUEI!
  • Na verdade eu percebi a CISTITE na segunda a noite depois de uma discurssão/conversa com o ex. Apesar de conseguir mostrar a importância do meu ponto de vista no meio de piadinhas e sarcasmos acho que me fiz entender e obedecer..kkk
  • E antes de ir dormir, quem disse que dormi? passei a noite tomando água, e indo ao banheiro desesperadanmente sem conseguir que a vontade de fazer xixi acabasse.
  • Hoje finalmente depois de 2 dias de muita agua e sofrimento, resolvi ir na emergência DA Unimed, foi até tudo muito rápido e indolor...o Dr. passou o remedinho que ja tomei, o exame de urina que fiz assim q saí do consultorio dele, ainda bem que o Hospital da Unimed, o ambulatório que tava ele e o local de exame é tudo no mesmo lugar..rá...
  • Me sinto empazinada de tanta agua, me sinto inchada, odeio tomar agua como remedio...affff
  • Infecções - As infecções do aparelho urinário recebem nomes de acordo com sua localização. Na bexiga, cistite; nos rins, nefrite, glomérulo-nefrite e pielonefrite; Na uretra, uretrite; na próstata, prostatite. São causadas por bactérias e tratadas com antibióticos.
    Cistite - Acomete, principalmente mulheres, que, por terem a uretra muito curta (quatro centímetros de comprimento), estão mais sujeitas do que o homem a infecções trazidas do exterior. É a inflamação da parte interna da bexiga, cuja mucosa fica irritada e inflamada, provocando dor e necessidade de urinar com freqüência. A infecção pode-se espalhar, atingindo os rins através dos ureteres, mas, se tratada a tempo, cura-se facilmente. 
  • Prevenção das doenças urinárias
    • Ingerir líqüidos para maior formação de urina, favorecendo a eliminação de bactérias.
    • Urinar várias vezes ao dia. Micções freqüentes defendem o aparelho urinário contra a penetração de bactérias.
    • Manter rigorosa higiene pessoal, com limpeza cuidadosa dos genitais. Após a evacuação, o papel higiênico deve ser usado de frente para trás. Recomenda-se o uso de chuveirinho ou água corrente.
    • As mulheres devem evitar roupas justas e calcinhas de nylon ou tecido sintético que impedem a transpiração. Preferir calcinhas de algodão.
    • Evitar desodorantes íntimos
    • Usar camisinha nas relações sexuais.
    • Evitar promiscuidade sexual.
vou me jogar na:

Um comentário:

Débora Buarque disse...

preciso de mais agua de côco!